RSS Feed

Separating the tyres. / Separando os pneus.

para português, abaixo.
For the construction of the walls, it is important that tyres of the same size lay beside each other. So the first step, looking at the  pile of tyres, is to separate them by size.  Well…

This slideshow requires JavaScript.

I had never realized that there were so many small diferences.  It took me a couple of hours, but then I had thirty-seven, yes THIRTY-SEVEN piles of tyres with different sizes.   And there are no truck, bus or tractor tyres among them.  There are a handfull of weird tyres, though.  Two tyres looked like if they came from an oldtimer, with old cracked rubber including a white side rim.  One tyre came from a race car. And then there is a tyre  that is complete different and has no lettering on it. Four tyres came from an outdoor forklift or so, “Super Rock Grip”  and “Industrial/Mining Service are written on them. A few hundred of those, and the walls would be ready in no-time…  Also there  are a handfull of motorcycle tyres. One of those was obviously destroyed in a” boy with a toy” game by blocking the front wheel of the motorcycle  and let the rear wheel spin until smoke  apears. Well, when the smoke setteld down, he had to walk home, his tyre was gone……
We also can draw funny conclusions.
On one side of the race tyre is written in English:” FOR RACING PURPOSE ONLY NOT FOR HIGHWAY USE” .  On the other side of the tyre is written in portuguese  “EXCLUSIVO PARA COMPETIÇÃO” ( just for competition). So, without the warning : “NOT FOR HIGHWAY USE”.  Does that mean you can race on the Brazilian    highways?….

SEPARANDO OS PNEUS

Para a cosntrução das paredes, é importante que os pneus de mesmo altura sejam colocados um ao lado do outro. Então, o primeiro passo, olhando para a pilha de pneus, é separá-los de acordo com seus tamanhos. Bem…

This slideshow requires JavaScript.

Nunca tinha prestado atenção em como há tantas pequenas diferenças. Custou-me algumas horas, mas finalmente tive trinta e sete, sim, TRINTA E SETE pilhas de pneus em tamanhos diferentes. E isso que não há nenhum pneu de trator , de ônibus ou de caminhão entre eles. Porém, há um bocado de pneus exóticos. Dois pneus parecem ter vindo de carros bem antigos, tipo vintage ou retrô, com a borracha quebradiça e uma banda branca lateral. Um pneu veio de um carro de corrida. E há outro que é totalmente diferente dos demais e sem nenhuma inscrição. Quatro pneus vieram de uma empilhadeira que deve ter trabalhado rodando na terra, é por isso que está escrito neles: “Super Rock Grip”  (Super contato em pedras/rochas) e  “Industrial/Mining Service”(serviços de mineração/industrial). Poucas centenas desses e as paredes ficariam prontas bem rapidinho… Também há cerca de meia dúzia de pneus de moto. Um deles, obviamente, foi destruído por uma brincadeira de playboy, ao se bloquear a roda da frente e rodopiar com a roda traseira até aparecer uma fumaceira. Bem, então quando a fumaça baixou, o babaca teve de caminhar de volta para casa a pé, seu pneu estava totalmente detonado.
É possível também chegar a conclusões engraçadas…
Em um dos lados do pneu de corrida está escrito em inglês: “FOR RACING PURPOSE ONLY NOT FOR HIGHWAY USE”  (apenas para competição, não para uso em estradas). Do outro lado, está escrito em português: “EXCLUSIVO PARA COMPETIÇÃO”, mas não há nenhum alerta sobre a restrição ao uso em estradas. Então… Quer dizer que você pode  correr  com eles nas estradas brasileiras?

 

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: